Serviço musical em domicílio, hospitais, clínicas,
academias e empresas

“iniciativa conforta e promove bem estar”

Primeiro a atuação da pianista Betth Ripoli ajudou a “tirar medo” de avião, segundo os próprios passageiros da TAM Linhas Aéreas, onde começou programa musical nas salas de embarque há duas décadas, somando-se mais de 12.000 apresentações no Rio, São Paulo e Recife.

Ao completar 21 anos, atuando como entretenimento musical com a Harmonia Eventos, cria o Musicare, embasado na bem sucedida experiência em hospitais, clínicas e ações em empresas, academias, entre outros. Através de música ao vivo, comprova-se excelentes resultados na recuperação de pacientes e bem estar de funcionários.

Uma década tocando como voluntária no Hospital do Coração, em S. Paulo, valida isso. Ela própria venceu uma artrite e depressão aos 35 anos ao assumir a carreira de pianista profissional.

“O processo da cura envolve o corpo e o espírito. Do corpo cuidamos nós, médicos; da elevação do espírito, fundamental para a recuperação da saúde, participa a vontade de viver do paciente, o apoio familiar e as terapias alternativas, dentre as quais se destaca a música”, endossa o Dr. Cyrilo Emilio Mantovani, médico do HCor.

Pela manhã ou à tarde pode-se solicitar desde um violão/vocal a solos ou duos de flautas, sax, gaita, trompete, piano, teclado, violino, acordeon... incluindo os mais variados gêneros musicais.